Vera Cruz - RS, terça-feira, 10 de dezembro de 2019
Publicado 12/07/2019 » Geral
Apresentado projeto inovador de energia
Fonte: Jornal Arauto

Um projeto inovador foi apresentado aos moradores de Vila Progresso e região na noite de terça-feira, dia 9. A ideia é organizar uma cooperativa de energia fotovoltaica na localidade. Para tanto, o consultor Hélio Pires participou do encontro com moradores e pontuou os benefícios, tais como melhoria no meio ambiente, redução gradativa no gasto com energia elétrica e menor valor de investimento para cada unidade consumidora. Tendo como base uma propriedade cujo gasto gira em torno de R$ 500 mensais com a conta de luz, o investimento na usina seria de R$ 21,5 mil através do sistema cooperado. Individualmente, cada um gastaria cerca de R$ 30 mil. No entanto, segundo Pires, o cálculo é uma estimativa e vai variar de acordo com a necessidade energética de cada um. “Ele pode querer ter 100% da energia da casa dele vindo das placas, como pode ter 50%, 30%, o quanto quiser”, detalhou.

A explanação na terça-feira teve como objetivo detalhar como seria o funcionamento dessa cooperativa e dar encaminhamento a quem tem interesse. Uma lista com nomes e contatos foi formatada e dará sequência ao projeto. Durante o encontro, ainda, Pires mostrou exemplos positivos de geração de energia fotovoltaica na região, como o da Família Schuh, no interior de Venâncio Aires. Em 0,3 hectare, são 840 placas que geram 32.500kWh/mês, energia que abastece às empresas da família e diversas residências.

COMO FUNCIONARIA A COOPERATIVA?
Das seis etapas para fundar uma cooperativa de geração, quatro estão cumpridas em Vila Progresso. Isso porque, a ideia apresentada na terça-feira é dar nova vida à Cooperativa Agrícola Progresso Ltda., a Coaprol, que, embora sem atividades há quase uma década, permanece ativa no cadastro do Governo. Segundo Hélio Pires, seria necessária apenas a criação de um plano de negócios e a implantação da usina. Os conselheiros da antiga cooperativa foram ouvidos em reunião prévia à explanação do projeto e concordaram com as mudanças. Existe também, conforme Heitor Petry, um valor remanescente oriundo da desapropriação da área que pertencia à Cooperativa por ocasião da construção da Estratégia de Saúde da Família (ESF) de Vila Progresso. Esse valor, se não utilizado para fins na Cooperativa precisa ser entregue ao Poder Público.

Na terça-feira, ainda, mesmo sem definições de data de implantação, número de associados e outros detalhes, foi sugerido um novo nome à associação: Cooperativa Progresso de Geração de Energia (Cooprogen).

Reunião para explanação da ideia e encaminhamento foi realizada na terça-feira (Foto Lucas Batista/Jornal Arauto)






JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet