Vera Cruz - RS, terça-feira, 25 de setembro de 2018
Publicado 07/09/2018 » Geral
Pedido é de um voto de confiança
Fonte: Jornal Arauto

Depois de receber a notícia de que haveria mudanças na sistemática do atendimento pediátrico no Espaço Mamãe Criança, a comunidade do bairro Arco-Íris e arredores, descontente, se mobilizou e iniciou um abaixo-assinado. Preocupados e inseguros com a nova sistemática, pais solicitaram uma reunião com a secretária de Saúde, Liseana Palma Flores, que na noite de terça-feira, dia 4, esteve acompanhada do prefeito Guido Hoff e do farmacêutico do município, Diego da Silveira Moura para prestar esclarecimentos. O encontro ocorreu na unidade da Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro Arco-Íris.

Inicialmente, com os ânimos alterados, algumas mães questionaram sobre como funcionará o atendimento e falaram de suas aflições, com medo de que seus filhos não sejam recebidos para atendimento junto ao Espaço Mamãe Criança. A secretária Liseana, além de explicar a nova sistemática, garantiu que após o encaminhamento do médico clínico-geral que atende na ESF, a criança terá o atendimento assegurado. “O serviço de referência - neste caso pediatra - será acionado a partir da ESF, quando o médico da família não conseguir dar continuidade ao tratamento”, explica. Ainda segundo Liseana, a mudança vem para qualificar o serviço e segue o que prevê a política do SUS - que neste caso não prevê especialista para as ESFs.

Mesmo com mães e familiares de crianças que estiveram presentes na reunião receosos, Liseana e Guido Hoff pediram um voto de confiança da comunidade. “Peço a vocês um voto de confiança para que confiram como vai funcionar o serviço, e no prazo de 30 dias voltamos a nos reunir”, sugere. “Assim vocês poderão me dizer o que funcionou e o que não deu certo. Se não der certo, teremos que pensar em outra alternativa”, acrescenta.

Liseana também reforçou que a população é um órgão fiscalizador. “Se algo do que foi combinado não funcionar, peço que reclamem na ouvidoria e/ou me procurem”, sugere. “Mas peço que venham prioritariamente aqui (ESF), pois se a equipe entender que precisa, vai encaminhar para o pediatra”, frisa.

SEM ACORDO
Para um grupo de mães e pessoas da comunidade o pedido da secretária não firmou acordo algum, portanto, seguirão com o abaixo-assinado e se retiraram da reunião. Sandra de Lara, uma das envolvidas com a busca por assinaturas, diz que a luta pela igualdade no atendimento continua. “Segunda-feira vamos na Câmara de Vereadores e vamos procurar a Promotoria”, adianta.  “Não queremos mídia, muito menos ganhar alguma coisa com isso. Só queremos ter o direito de nossos filhos serem atendidos”, desabafa em sua rede social. “A saúde das nossas crianças não espera”, finaliza.

Confira a matéria completa na edição impressa desta sexta-feira, Nosso Jornal.

Secretária de Saúde Liseana Palma Flores se reuniu com a comunidade na terça-feira à noite (Foto: Jornal Arauto)






JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet